Qual É A Hora Para Ser Um Empreendedor Em Vez De Empregado?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 0 0 Flares ×

Algum dia você já pensou que seria bem melhor ser patrão do que empregado? Se esse for o seu caso, recomendo-lhe ler este artigo para compreender qual é a hora para ser um empreendedor em vez de empregado!

Qual É A Hora Para Ser Um Empreendedor Em Vez De Empregado?

  • Cansado de seguir ordens- embora esse requisito seja essencial para qualquer negócio, se você se sente cansado de seguir ordens dos outros e carrega consigo um forte desejo de iniciar um negócio e ser empreendedor, essa é uma boa hora para refletir sobre tudo o que você precisa! 
  • Desejo de tomar suas próprias decisões- se você acredita que seguindo suas ideias poderá obter mais sucesso, é provável que consiga bom retorno. Nem sempre o chefe está disponível para ouvir suas inspirações e metodologias na aplicação das funções, sendo assim, é possível que se sinta desmotivado e cansado de nunca poder mudar a forma de trabalho com intuito de conseguir melhores resultados. 
  • Você conhece o setor/ramo ou tipo de negócio- se você tem ampla vivência no nicho que deseja atuar, se tem um capital de giro seguro e se também possui recursos financeiros para conseguir manter-se durante pelo menos 9 meses diante a sobrevivência do novo empreendimento, essa pode ser a hora exata! 

Nesse sentido entra os recursos financeiros que são armazenados para suprir suas necessidades mais importantes e também emergenciais, a exemplo disso posso citar:

  • Alimentação.
  • Transporte, combustível.
  • Lazer, passeios e viagens.
  • Moradia: água, energia, aluguel, condomínio, etc. 
  • Se você possui fornecedores que podem ajudar-lhe- caso você tenha uma boa lista de fornecedores que podem lhe dar suporte no início dessa empreitada, isso também pode ser levado em conta, porque você conhece o trabalho deles e o item em si, facilitando assim a demanda, entrega e forma de pagamento. 
  • Percebe que o mercado está interessado- seu negócio não pode ser somente baseado no que você gosta, até porque quem vai trazer receita são os clientes, mas se você tem forte experiência e conhece o perfil e gosto desses clientes, se sabe como o produto ou serviço atende as necessidades deles, somando informações como: quantidade, preço, despesa e lucro você tem a “faca e o queijo” na mão! 
  • Tenho um bom plano de negócio estabelecido? Muito se fala em criar e sair de um tipo de atuação para outra, mas sabe quando você simplesmente “empaca” no meio do caminho, somente porque não sabe mais o que fazer? Pois é, isso comumente acontece com empreendedores desavisados ou que apenas determinam abrir o próprio negócio motivado pelo desejo, no entanto, toda empresa necessita de um bom plano, com sistemas definidos, com investigações bem feitas, contendo feedbacks precisos; todas essas informações seguirão como um guia – é mesmo como se fosse um mapa; dessa forma o tipo de empreendimento se torna mais seguro e vantajoso. 
  • Você tem o apoio de seus familiares? Essa será uma decisão muito importante, e com certeza afetará os demais membros da sua família, então você tem o apoio deles? Eles lhe ajudarão nessa empreitada de alguma forma? Caso todos estejam de acordo e se disponham a ajudá-lo nessa empreitada, esse é um ponto a mais a ser acrescido! 

A decisão de ser empreendedor requer muitas ações como motivação, capital, sabedoria e estudo do mercado.

Se você estiver entrando com um novo negócio – achando que terá mais tempo, está a se iludir, pois principalmente no começo do trabalho, você terá que se dedicar 100%. Portanto, pense bem antes de tomar sua decisão!

Sucesso!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 0 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *