Prevendo o imprevisível!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 0 0 Flares ×

Uma das coisas mais comuns em nossas carreiras é colocarmos a culpa de nossos fracassos em fatores externos nos quais não podemos interferir. Com isso assumimos o papel dos ‘coitadinhos” que sofreram as consequências do imprevisível!

Mas será que esses fatores são realmente imprevisíveis? Será que nossos concorrentes deram sorte e não foram pegos pela situação imprevisível? Você acredita realmente nisso?

Na maioria das vezes, a situação imprevisível acontece devido a nossas próprias ações. A perda de uma oportunidade de melhoria em nossos empregos, ou perder espaço nos negócios para um concorrente, acontece exatamente por nós permitirmos, ao sermos omissos em nossas ações.

Muitas vezes fazemos um plano bem simplista em que tudo vai acontecer exatamente do jeito que planejamos.  Simplesmente ignoramos os fatores de risco do nosso planejamento.

Por exemplo, entramos numa empresa, fazemos exatamente o que nossos chefes mandam e ficamos aguardando nossas promoções por tempo de serviço, como se fosse a coisa mais normal do mundo. Quando vemos somos surpreendidos pela promoção de uma pessoa mais jovem, que nem obedecer ao chefe faz direito, tomando diversas atitudes contrarias a direção.

Mas será que nossos chefes estão errados? Será que eles sabem de tudo mesmo? Ou será que eles contam com você para prever fatos que possam interferir nos negócios, que eles mesmos não puderam prever?

prevendo o imprevisível

Nesse artigo, estamos tocando nesse assunto, para que você, daqui para frente, deixe de pensar do modo simplista em que o mundo é perfeito e tudo ocorre do jeito que planejamos.

Sempre que fizer um planejamento faça as seguintes perguntas:

  1. No meu plano já previ todas as variáveis?
  2. Depois que eu iniciar o meu plano, o que a concorrência irá fazer?
  3. Meu plano pode sofrer interferência de ações dos nossos governantes ou da macroeconomia?
  4. Meu mercado pode diminuir de uma hora para outra?
  5. Meu produto pode se tornar obsoleto da noite para o dia?

Essas são apenas algumas perguntas que você deve se fazer. Irei dar um exemplo prático de coisas imprevisíveis que aconteceram nos últimos anos.

Vamos começar pelo ramo de fotografia. A 20 anos a Kodak era a maior fabricante de máquinas e filmes e detinha grande parte do mercado. A revolução digital criou as primeiras máquinas digitais e a Kodak preferiu se fixar na sua posição de líder e afirmar que esta tecnologia nunca iria adiante, pois a qualidade dos filmes era muito superior as máquinas criadas até o momento.

A Canon, que na época era uma empresa pouco conhecida e nem trilhava por esses caminhos resolveu criar a dobradinha máquina – impressora, investindo na facilidade que os usuários teriam em selecionar as melhores fotos e no número de fotos que o novo sistema ofereceria.

O alto custo de uma fotografia tradicional acabou cedendo espaço para a quantidade de fotos que se obtinha com as máquinas digitais. Enquanto uma máquina tradicional fazia 24 fotos com alto custo e com resultados que levavam dias para serem conferidos, a tecnologia digital permitia tirar fotos e conferir a qualidade na hora… nem preciso dizer quem venceu a disputa e, hoje, creio que a qualidade das máquinas digitais mais simples estão muito superiores as máquinas tradicionais de custo intermediário.

A Kodak falhou ao não prever o imprevisível e a Canon, hoje a maior fabricante da área, conseguiu transformar o imprevisível em sucesso.

Eu poderia citar centenas de outros casos no mundo da tecnologia e nas carreiras de diversos CEOs, mas fugiria do espaço aqui no nosso blog.

Eu até já falei nisso no blog Dicas Gráficas do Cardquali no post “Imprevistos! Você está preparado?

Mas fica aqui a sugestão de fazer sempre planos, mas colocar nos planos a grande possibilidade de fracasso pelos mais diversos fatos, e se preparar para eles.

Só prevendo o imprevisível é que tornaremos o fracasso em grande oportunidade!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 0 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *